Bill Hudson: brasileiro entra para a história do metal com show do Savatage em Wacken

O SAVATAGE e o TRANS SIBERIAN ORCHESTRA talharam seus nomes mais profundamente ainda na história do Heavy Metal mundial na noite da última quinta-feira, quando realizara algo inédito no festival de Wacken, na Alemanha.

Billive

O festival tem uma estrutura muito peculiar com 2 palcos situados bastante próximos um do outro, e tirando proveito disso, após um set de 40 minutos de performance do SAVATAGE [esta com o virtuoso brasileiro BILL HUDSON em seu lineup] e um set de 40 minutos do TSO, membros de ambas as bandas executaram um show conjunto IMPECÁVEL e imensuravelmente bem coordenado ocupando os dois palcos principais do evento.

Tratou-se um feito bastante ambicioso, tanto do ponto de vista musical como logístico, e ambas as bandas o executaram de modo irrepreensível, com o guitarrista AL PITRELLI guiando ao TSO no True Metal Stage e JON ALIVA como maestro do Savatage no Black Stage.

Dois grupos subindo a dois palcos diferentes ao mesmo tempo – pelo menos em locais abertos e com certeza em festivais de rock dessa magnitude – é algo sem precedentes e tal como se pode afirmar pelos vídeos mais abaixo, a proeza transcendeu para o que pode ser chamado, sem medo de errar, de ESPETÁCULO. Atente para o fato de que há várias câmeras profissionais posicionadas por toda a estrutura, e o lançamento de um Blu-ray com o registro da façanha é inevitável.

Antes do festival, as bandas emitiram uma declaração conjunta: “Todos nós no Trans Siberian Orchestra e no Savatage não podemos acreditar na sorte que temos por terem nos oferecido a oportunidade de termos uma folga das gravações do novo álbum do TSO, “Letters From The Labyrinth” de modo que possamos nos encontrar em Wacken, Alemanha, e juntos, olharmos para como chegamos até aqui, assim como termos um panorama do que pode estar por vir. Esse show é algo único na história do Savatage e do TSO, o qual esperamos que vocês nunca se esqueçam. ”

O Savatage subiu ao palco às 9:45 PM para seu há muito esperado retorno. A banda consistia de JON OLIVA, AL PITRELLI, JOHNNY LE MIDDLETON, CHRIS CAFFERTY, JEFF PLATE, ZAK STEVENS, BILL HUDSON, além de vários músicos de apoio – dentre eles VITALIJ KLUPRIJ, do TSO.

À medida que o set do Savatage chegava a seu encerramento, o Pitrelli correu para o outro palco para juntar-se ao TSO para uma performance explosiva, incluindo aí músicas de ‘Letters From The Labyrinth’. No primeiro set do TSO, a banda foi integrada por JOHN O. REILY e JEFF PLATE [bateria], DAVID Z e MIDLETON [baixo], ANGUS CLARK e CAFFERY [guitarras], MEE EUN KIM e DEREK WIELAND [teclados], ASHA MEVLANA e RODDY CHONG [cordas]. Os vocais ficaram a cargo de JEFF SCOTT SOTO, KAYLA REEVES e ANDREW ROSS, e fizeram companhia ao grupo dançarinas e backing vocals.

bill4

Às 11 da noite, a plateia foi levada ao êxtase absoluto quando todos os membros das duas bandas ocuparam seus respectivos palcos e começaram uma performance simultânea tocando as mesmas faixas, nota por nota, durante uma hora.

bill2

Este set teve músicas como ‘Turns To Me’, do Savatage, uma versão de arrepiar de ‘Believe’ com um dueto entre Oliva e Robin Borneman, além de pedradas do TSO como ‘A Last Illusion’, ‘Requiem’, ‘Beethoven’ e ‘King Kubrick’, do vindouro lançamento do grupo.

Pessoas presentes ao festival e que puderam presenciar a extravagância garantem que o espetáculo pirotécnico que acompanhou a performance custa na casa das centenas de milhares de dólares.

Ainda atônito com o resultado final da visão de Jon Oliva para o espetáculo do qual participou, BILL HUDSON nos declara com exclusividade:

“Posso dizer que foi o dia mais louco não só da minha vida, mas de todo mundo que participou! Foram muitos meses de preparação e 3 semanas de ensaios diários com as duas bandas na Florida.

“Já trabalho com membros do Savatage desde 2007, quando comecei com o Zak Stevens no CIrcle II CIrcle. Depois, em 2013 entrei no Jon Oliva’s Pain e fomos headliners do festival ProgPower USA ano passado, tocando o disco Streets na íntegra.

“Já com o CIrcle II CIrcle também fiz as turnês dos discos Edge of Thorns (1993) e Wake of Magellan (1997), esse último rendendo um disco ao vivo no próprio Wacken de 2012.

“Mas tocar com todos os caras originais do Savatage e ao mesmo tempo que a Trans-Siberian Orchestra foi surreal! Embora sempre tenha sonhado alto, não sei se imaginei que um momento como esse de fato aconteceria.

Bill5

“Não tenho palavras para descrever como foi o show… eu estava nas nuvens… realizando todos os meus sonhos de criança e tocando com muitos ídolos de bandas diferentes de uma só vez. Tudo isso como HEADLINER do maior festival de metal do mundo, em frente a 80 mil pessoas.

“Sabe quando te perguntam quando criança “o que você quer ser quando crescer?”. Alguns dizem astronauta… Alguns dizem bombeiro, etc…. Pra mim sempre foi isso: tocar Heavy Metal com meus ídolos e ter uma boa carreira. Posso dizer que o Wacken 2015 selou tudo! Hora de arranjar novos objetivos.”

bill3

Após o show, Asha Mevlana comentou: “Uma das maiores noites de minha vida… eu já sinto falta de minha família do TSO/Savatage. Que adrenalina tocar para toda essa gente. ”

 

 

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: