Slayer: ‘Kerry só fala merda e cobra por fotos’, diz colega de tour

matrisekerryking_638

O vocalista DAVE MATRISE, da banda de Death Metal JUNGLE ROT, criticou acidamente ao roliço guitarrista do SLAYER, KERRY KING, por tecer comentários nada gentis sobre a força do cast da MAYHEM FESTIVAL TOUR desse ano, do qual ambas bandas fazem parte.

Matrise disse ao site Live Metal que não ficou nada feliz em ler aos comentários de King sobre as bandas menos conhecidas da edição 2015 do festival itinerante.

“Vou ser sincero – eu levei para o lado pessoal. Eu sou fã de longa data do Slayer, e eu odeio dizer isso, mas vou ter que mudar meus conceitos em relação a eles por isso. Por causa do simples fato de que há muita gente, inclusive eu, e muitas bandas aqui investiram muito dinheiro nessa turnê, e estamos tentando recuperar nosso dinheiro, e estamos tentando manter essa coisa rolando. Daí vem esse cara, e ele abre a boca e sabota a turnê, na minha opinião. E daí ele fala sobre o palco [da gravadora] Victory e o chama de ‘palco de merda’. Bem, se não fosse pela Victory, provavelmente não haveria esse palco, e essa turnê nem teria acontecido.

“Essa é apenas minha opinião, e se ele descesse do ônibus de vez em quando ao invés de cobrar 20 dólares por uma foto ou por um autógrafo, ou seja, lá que porra ele faz, ele provavelmente veria que há muito talento ali, cara. Então, sim eu levei para o lado pessoal. Eu acho que ele falou merda e espero que isso se volte contra ele, e espero pelo pior. Eu já aguentei demais – esse cara tem tagarelado demais e essa foi a gota d’água. ”

Perguntado se ele pegaria o cilíndrico fundador do Slayer na porrada dada sua irritação com o tema, Matrise respondeu; “Não, nada desse tipo. Todo mundo já deixou isso pra trás, agora apenas veremos o que acontece. Todas as bandas estão unidas, a equipe técnica está trabalhando duro – eles chegam ás 6 da manhã. Ele só tem que pensar antes de falar. Isso não é fácil, cara. Viver desse modo, turnê é turnê e ele deveria saber disso. Ele já faz isso tem muitos anos. Você aguenta os golpes que te dão a cada turnê, cara. Toda turnê é de altos e baixos, como uma roda-gigante – nem todas serão glamorosas. ”

Matrise finalizou: “Não faz sentido para mim. Ele podia ter esperado até que a turnê tivesse terminado para abrir a boca. Teria sido muito melhor. Daí ninguém se importaria. ”

slayermayhen2015poster

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: