AC/DC: Eddie Trunk contesta comunicado oficial da banda

Image

Do site do jornalista e apresentador de rádio & TV estadunidense EDDIE TRUNK [THAT METAL SHOW]:

[…]

Notícias altamente perturbadoras as da situação de Phil Rudd. Eu tenho lido os vários relatos da mídia e tudo soa obviamente muito sério e triste, caso seja verdade.

Como de costume, antes de fazer quaisquer julgamentos, eu prefiro esperar e ver no que dá o que o sistema legal determina. Algumas coisas, contudo, estão claras.

É difícil de acreditar que a banda e seus representantes legais não soubessem que alguma coisa estava acontecendo com Rudd e isso explica o porquê de ele não estar na foto oficial de divulgação e aparentemente tampouco no clipe de ‘Play Ball’. Você teria que concluir que eles simplesmente colariam a imagem dele com Photoshop na foto se fosse apenas um desencontro que o impedisse de ir até a sessão de fotos. Várias bandas fazem isso e uma banda enorme como o AC/DC não teria lançado uma foto oficial para a imprensa sem um membro-chave de sua formação se eles não houvessem pressentido que poderiam haver problemas. Simplesmente não faz sentido.

A banda emitiu um comunicado afirmando que não sabia de nada até que as notícias começaram a aparecer, mas achar que é tão somente coincidência que Rudd não estava no ensaio de fotos é absurdo. Eles declararam que tudo está seguindo em frente tal como planejado. Com uma turnê gigante planejada para o ano que vem, a menos que ele seja inocentado de todas essas acusações, você pensaria que eles precisam de um novo baterista pra ontem. Não só para a turnê, mas com o álbum novo vindo e as aparições promocionais chegando também. Eles voltam para Chris Slade ou Simon Wright? Ou pegam sangue novo?

É triste ver uma das grandes bandas icônicas agora com apenas dois membros essenciais, mas a verdade é que nenhuma perda vai afetar as vendas da turnê em um ingresso que seja. Toda banda tem seus membros-chave, aqueles que, caso saiam, afetariam o apelo comercial do show. No caso de AC/DC, são Brian, e claro, Angus. É o que o grande público conhece e vê. Nós somos fãs ferrenhos. Nós sabemos e nos importamos se Bill Ward, Michael Anthony, Ace Frehley, Peter Criss, etc. não estão ali, e muitos de nós ainda vão aos shows mesmo assim. Mas, para as massas, desde que o AC/DC toque os sucessos, Angus seja o schoolboy, e Brian esteja cantando, não tem que não pague pelo ingresso. Certo ou errado, é apenas a verdade.

O AC/DC sempre foi bastante discreto sobre o odo que conduzem as coisas. Não liberam muita informação e muito pouca presença na mídia. Os irmãos Young é quem tomam todas as decisões, e com Malcolm fora, isso quer dizer que é com Angus agora. Vamos ver quais são as próximas manobras. Sem dúvida há mais por vir, mas por mais que seja uma merda perder o firme Rudd, isso sem dúvida não terá impacto sobre os planos que já haviam sido feitos.

Quem você acha que deveria tocar bateria, caso não seja mesmo Phil?

[…]

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: